Com o objetivo de diminuir os custos ao requisitar o dólar, as corretoras e empresas que trabalham com câmbio buscam oferecer inúmeras opções de cartões pré-pagos, com parcelas que podem serem feitas em até 12x.

Em todo o País, as instituições financeiras no geral notaram a alta procura do dólar turismo, mostrando assim uma nova fase no setor de viagens. Toda essa percepção vem após longos meses de pandemia.

Breno Cysne, diretor da corretora Sadoc que atua em Fortaleza, confirma a retomada dos trabalhos no seu setor e agradece o efeito das viagens sendo retomadas: “O mercado está bem aquecido. Brasileiros estão voltando a viajar internacionalmente, tanto para Europa como para os EUA”.

Todavia, o fluxo de estrangeiros em nossas praias paradisíacas como Canoa Quebrada e Jericoacoara continua abaixo das expectativas.

Breno salienta que quem estiver com passagem aérea com destino aos Estados Unidos, é recomendado fazer o parcelamento da compra da moeda americana, limitando em R$ 10 mil. Este conselho trata-se de uma nova modalidade existente no mercado de câmbio. “A nova regulamentação do BC permite aos brasileiros que parcelem as compras de moedas estrangeiras no cartão de crédito”, disse.

O diretor da Sadoc frisa que esse tipo de pagamento tende a ser uma nova tendência nas casas de câmbio: “Os clientes estão aderindo bastante”.

Em tempo, Cysne explica as facilidades e o porquê desse método ser tão interessante e, ao mesmo tempo, flexível ao consumidor.

Incertezas

Com o câmbio passando por um período bastante incerto, devido a constante variação do dólar e do euro, eleições presidenciais 2022 se aproximando e quadro fiscal brasileiro em estado crítico, as cotações ao redor do mundo tende por uma manutenção de uma taxa cambial de R$ 5,50.

Há ainda um certo desconforto com a inflação em todo o mundo, o que gera bastante desconforto e receios para todo o setor.

Dicas para quem quer economizar na hora de comprar moeda

1 – Compre aos poucos

2 – Pague hotéis e outros serviços por meio de transferências internacionais

3 – Diversifique: compre papel moeda, mas tenha também um cartão pré-pago

4 – Invista em um seguro viagem

5- Procure instituições financeiras e corretoras de câmbio reconhecidas pelo Banco Central

E aí? Deseja comprar com a melhor cotação? Consulte quem entende do assunto! Venha para Sadoc, a corretora que você pode confiar. Maiores informações, acesse sadoc.com.br ou ligue para (85) 3219-4132